Star Wars | Segundo BBC, Disney já negocia direitos de imagem de Carrie Fisher para uso em CGI

O Newsnight, programa da BBC, explorou o conceito da recriação de atores utilizando a computação gráfica para filmes e para propagandas, ampliando o escopo da discussão ética sobre a prática. Até aí, seria apenas um programa interessante, mas, uma informação dita por eles promete mexer com muitos fãs de uma certa franquia que se passa em uma galáxia muito, muito distante.

Segundo a BBC, a Disney está negociando com os herdeiros de Carrie Fisher, a Princesa Leia, os direitos de imagem da atriz para usar em futuros filmes da saga. O apresentador Kristy Wark faz a afirmação logo no início do programa.

“Peter Cushing e Carrie Fisher já não estão mais conosco, mas isso não é um impedimento para que eles sejam personagens importantes nos filmes de Star Wars,” disse Wark. “Mas, será que Carrie Fisher será digitalmente ressuscitada? Ela realmente iria querer ?”

A afirmação é reiterada posteriormente no programa. “A Disney está negociando com os herdeiros a continuidade da aparição da atriz na franquia. Se Disney conseguir o aval, Carrie Fisher se juntará a Peter Cushing, que reapareceu nos cinemas quinze anos depois de sua morte em Rogue One como o Gran Moff Tarkin.”

Wark então discute a questão com os convidados, mas não qualquer tipo de declaração oficial da Disney sobre tal questão, tampouco é apresentada a fonte que forneceu a informação.

Que a Disney estaria interessada em usar Fisher através do CGI não é algo tão surpreendente, especialmente após descobrirmos que a personagem tem um papel maior no Episódio VIII e tinha uma participação bem relevante planejada para o Episódio IX. A empresa do Mickey deve receber aproximadamente US$50.000.000 do seguro por conta do falecimento de Fisher, o que deve ajudar a custear a tecnologia, caso entrem em acordo.

Contudo, a participação da personagem deverá ser reformulada para que o CGI não se desgaste e não fique tão evidente que se trata de uma animação a ponto de estragar a experiência. A menos que a tecnologia se desenvolva ainda mais nos próximos anos.

Colin Trevorrow, diretor do Episódio IX, e Kathleen Kennedy, presidente da Lucasfilm, se encontraram na semana passada para discutir o futuro da General Leia Organa no futuro da saga Star Wars.

Comments

comments