Game of Thrones | O que é a Companhia Dourada e qual a sua importância na saga?

Aviso: Contém spoilers da sétima temporada de Game of Thrones

Ao adaptar as Crônicas de Gelo e Fogo, Game of Thrones deixou diversos detalhes dos livros de fora, alguns relevantes e outros nem tanto. Contudo, algo marcante que parece ter ficado de fora do universo na série são os Blackfyre, segmento da família Targaryen criado por um bastardo do rei Aegon IV, o Indigno, que foi legitimado.

Os Blackfyre estão intimamente relacionados a uma companhia de mercenários que atua em Essos, a Companhia Dourada, que também havia ficado de fora da série, pelo menos até o quarto episódio da sétima temporada, Spoils of War.

Durante o episódio, Cersei cita a Companhia Dourada, afirmando que Qyburn havia entrado em contato com eles em busca de apoio para ampliar as suas forças militares.

Mas o que é a Companhia Dourada?

Antes de entender o que é a Companhia Dourada, é necessário conhecer Aegor Rivers, o Açoamargo. Rivers foi um dos bastardos do Rei Aegon IV, o Indigno. O rei, antes de sua morte, legitimou todos os seus filhos bastardos e entregou ao seu irmão, também bastardo do Indigno, Daemon a espada Blackfyre, famosa por estar na família Targaryen desde os tempos de Aegon, o Conquistador. Estes eventos deram origem à Rebelião Blackfyre, sobrenome adotado por Daemon ao ser legitimado pelo rei.

Após a primeira rebelião, que ocasionou a morte de Daemon Blackfyre, seu irmão, Aegor fugiu de Westeros para as cidades livres em posse da espada Blackfyre e acompanhado dos filhos de Daemon. Lá, ele serviu com os Segundos Filhos durante alguns anos até resolver criar a sua própria organização mercenária, a Companhia Dourada, com o objetivo de manter unidos os apoiantes da Casa Blackfyre, pois os outros lordes exilados começavam a juntar-se a outras companhias mercenárias.

Conhecida por ser formada de exilados e filhos de exilados, a companhia sempre fora comandada pelos Blackfyre. Contudo, o último deles, Maelys Blackfyre, foi morto por Barristan Selmy na guerra que ficou conhecida como Guerra dos Reis de Nove Moedas.

Nos livros, a Companhia é liderada atualmente por Harry Strickland. Contudo, existem teorias de que a organização esteja tramando mais um levante Blackfyre, aproveitando-se do período de fraqueza daqueles que dominam o Trono de Ferro. Em A Dança dos Dragões, quinto livro da saga, Tyrion Lannister descobre que Ilyrio Mopatis, que, segundo teorias pode ter sido casado com uma Blackfyre, contratou a Companhia.

Contudo, para que Ilyrio conseguisse contratar a Companhia, esta precisaria quebrar seu contrato com a cidade Myr, o que foi feito. Ao ser questionado por Tyrion como ele conseguira tal façanha, Ilyrio respondeu “Alguns contratos são escritos com tinta, outros com sangue. Não direi mais nada.”

Outro fato que não está presente na série é a presença de um suposto Aegon Targaryen, filho de Rhaegar Targaryen com Elia Martell, que sobreviveu a Rebelião de Robert ao ser trocado por outro bebê em uma das manobras de Lorde Varys. O garoto é acompanhado por Jon Connington, conhecido como Grifo, grande amigo de Rhaegar (Rumores afirmam que o Grifo nutria uma paixão pelo príncipe). Ainda não se sabe se a identidade do garoto é real, e a possibilidade deste ser um impostor Blackfyre ainda existe.

Durante o desenrolar a trama, a Companhia decide se juntar ao suposto Aegon e rumar para Westeros. O desenrolar desta empreitada ainda está para ser visto nos livros e na série nunca deve ser vista, uma vez que esta ruma para o seu final.

Para os fãs mais antenados, a citação à Companhia foi uma grande surpresa, já que a série parecia ter suprimido tudo que estava relacionado aos Blackfyre. Contudo, é provável que a citação tenha sido apenas um easter egg, e caso a organização venha a fazer uma participação, dificilmente será abordado algo sobre os Blackfyre e seu passado. Ou talvez haja apenas uma menção apenas para afirmar que todos já estão mortos e que isso não será de relevância para a série.

De todo modo é interessante ver que coisas que ficaram de fora dos livros ainda conseguem um (pequeno) espaço na série, que está perto de seu fim. É tarde demais para a Senhora Coração de Pedra, mas talvez os Blackfyre consigam uma menção honrosa no mundo televisivo de Game of Thrones.

Game of Thrones está sendo exibida aos domingos no canal pago HBO.

Comments

comments